domingo, 14 de junho de 2009

OS DESÍGNOS DE DEUS


OS DESÍGNOS DE DEUS.
Gracinda Calado

Todos os dias fazemos planos, viagens, acordos, contratos, compramos bens, móveis, imóveis, e uma série de coisas sem pensar nem por um momento que a nossa vida e nosso destino não nos pertencem.
Medo, não devemos ter de viver, de sair, passear, fazer planos etc.
Confiança é que devemos ter naquele que é o dono da nossa vida e dos nossos projetos.
Muitas vezes planejamos auspiciosos e tentadores projetos, diferentes dos projetos de Deus e tudo dá errado.
Nossa vida se rege pelo que está preparado para nós.
A experiência nos diz que os fatos do dia a dia não são diferentes dos que já aconteceram anos e anos atrás, hoje com alguém que conhecemos, amanhã com alguém da nossa família, depois conosco. (sempre achamos que conosco não acontecerá nunca).
Uns chamam de fatalidade, outros de destino, alguém diz estava marcado nas linhas da vida etc, várias são as teorias e muitas são absurdas e imaginárias.
Somos grãos de areia no cosmo, revestidos de inteligência e de fé quando procuramos o transcendente. Nossa fé é que nos faz ver o quanto somos pequenos aos olhos do divino.
Deus o ser transcendental, nos guia e nos recebe em seus braços na hora do choro e da dor. Faz-nos ver a realidade da vida e nos enche de graça plena. Nossa alma é alimentada pela sabedoria divina na hora do desespero, da angústia e do terror, transforma em paz e silencio o que não podemos entender.

2 comentários:

  1. Olá, também sou blogueiro e abri o meu recentemente, meu próximo post, está relacionado ao seu tema,será: "Como entender os desígnios de Deus", por isso que lhe achei por aqui pela palavra chave, "DESÍGNOS" ... Gostei do texto, se quiseres, me segue no meu blog, vou lhe seguir por aqui, gosto muito de escrever também, porém ainda estou um pouco longe do seu nível de escrita... hehehe, Parabéns pelo blog, sucesso.

    Ricardo Bruno

    ResponderExcluir
  2. -Resposta à carta enviada por um amigo- meu NOVO POST. Leia se possível e me deixa um comentário por lá... também gostaria que você me seguisse por lá! Obrigado desde já.

    Ricardo Bruno

    ResponderExcluir